Comunicação

Escolha um ano e veja o conteúdo:

29/04/2016

Viva o 1º de maio

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

A data universal de comemoração do Dia do Trabalhador levou tempo a ser estabelecida. Reverenciando os ritos pagãos de chegada da primavera no Hemisfério Norte e respeitando a data costumeira de renegociação de acordos nos Estados Unidos, o massacre dos trabalhadores em Chicago (depois de uma provocação policial) tingiu de sangue a comemoração e fixou a data para o mundo inteiro (exceto para os Estados Unidos, mas isso é outra história).

25/04/2016

Aguerrimento dividido

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Uma pequena nota na Folha de hoje, segunda-feira, informa que quatro das centrais sindicais reconhecidas (FS, UGT, CSB e Nova Central) irão amanhã ser recebidas pelo vice-presidente e “cobrarão menos juros e mais empregos”. Esta visita, articulada pelo presidente do Solidariedade, que é também presidente da Força Sindical, tem como um dos objetivos apresentar a Temer a pauta do movimento sindical que será uma atualização do último documento unitário firmado pela cúpula do movimento: o Compromisso pelo Desenvolvimento.

18/04/2016

O grande ausente

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Depois dos momentosos acontecimentos dos últimos dias, com a Câmara dos Deputados em foco o tempo todo, a cobertura hoje, segunda-feira, dos jornalões de São Paulo me pareceu contida.

15/04/2016

Ação sindical permanente

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Escrevo hoje, sexta-feira 15 de abril e até domingo haverá muita negociação republicana sobre os votos dos deputados; o jogo ainda não foi jogado. A mídia, no entanto, já dá como certo o resultado da votação, discute a composição do novo governo (mesmo que a sua efetivação não seja imediata) e tenta criar, junto com Eduardo Cunha, o efeito manada. Para mascarar a artificialidade do processo há que respeitar os rituais e embotar o fio dos cortes da Lava-Jato.

15/04/2016

Ação sindical permanente

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Escrevo hoje, sexta-feira 15 de abril e até domingo haverá muita negociação republicana sobre os votos dos deputados; o jogo ainda não foi jogado. A mídia, no entanto, já dá como certo o resultado da votação, discute a composição do novo governo (mesmo que a sua efetivação não seja imediata) e tenta criar, junto com Eduardo Cunha, o efeito manada. Para mascarar a artificialidade do processo há que respeitar os rituais e embotar o fio dos cortes da Lava-Jato.

12/04/2016

Nosso compromisso

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Na sexta-feira, 8 de abril, os três grandes jornais de São Paulo publicaram, como matéria paga, um manifesto assinado por 17 dirigentes sindicais importantes e representativos. Defendendo uma reforma política ampla e democrática, a reorganização da governança com transparência e controle e a implementação de política econômica orientada para a retomada e sustentação do crescimento econômico, os signatários afirmaram seu compromisso para transformar o Brasil. O documento é, no âmbito do movimento sindical dos trabalhadores, uma projeção do Compromisso pelo Desenvolvimento, de dezembro de 2015, atualizado em consonância com a conjuntura de hoje. “A gravidade da atual crise indica urgência. O nível do conflito, serenidade. O tamanho do desafio, ousadia. Urgência, serenidade e ousadia se constroem com diálogo. Diálogo para construir compromissos com transformações benéficas para a sociedade. O Brasil já enfrentou uma grande recessão na década de 1980. Tão ou mais severa que a atual. E conseguiu vencê-la a partir de um acordo mínimo entre as forças responsáveis e atuantes em prol de sua economia essencialmente vigorosa. O futuro da Nação depende de um projeto que reúna as forças econômicas, sociais, políticas e culturais. “Esta é a nossa atual tarefa histórica.” Assino embaixo.

08/04/2016

Recessão e desemprego

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Para os trabalhadores a pior consequência da recessão é o desemprego que os atinge diretamente e aumenta as dificuldades para a ação sindical constrangida a ser quase exclusivamente defensiva.

04/04/2016

Viés de classe

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

A luta contra a recessão sempre foi dura. É defensiva ao extremo e as parcas vitórias merecem a comemoração em dobro. Cada emprego poupado, cada ganho de salário, cada direito validado merecem medalha.

01/04/2016

Três profissões, três movimentos

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Em momentos como o que vive a nacionalidade brasileira avolumam-se análises apressadas, enviesadas e emotivas sobre a situação e também sobre os protagonistas, sejam indivíduos, instituições, partidos e movimentos.

30/03/2016

Boatos na Internet

Ricardo Martins da Silva, Professor universitário e Representante Sindical

Recentemente um caso que chocou e chamou muita atenção nas redes sociais foi o de um golfinho que morrera por ter sido retirado do mar para que turistas tirassem selfies.

28/03/2016

Hoje e amanhã

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Acumulam-se as evidências da severa e prolongada recessão na economia brasileira com seus efeitos nefastos na renda dos trabalhadores e no emprego, embora não homogênea em seus desdobramentos.

21/03/2016

Categoria unida contra a crise

Almir Munhoz, Presidente do Sintetel e da Fenattel

Resistir. Representar. Unir. Com essa frase, o assessor sindical João Guilherme Vargas Netto resumiu o que o movimento sindical tem que fazer para enfrentar a atual situação em que o Brasil se encontra.

21/03/2016

O Compromisso pelo Desenvolvimento e o “reboot”

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Não tenho muita intimidade com o computador. Sou um usuário tímido e inseguro. Às vezes, quando ele travava eu fazia um “reboot”, ou seja, tirava da tomada e tornava a ligar para ver se ele voltava a funcionar. Um técnico me advertiu que um “reboot”, que às vezes é miraculoso, pode também danificar a máquina e eliminar programas importantes. Passei a ficar cabreiro com o “reboot”.

14/03/2016

Quem viver, verá!

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Em 1964, logo depois do comício da Central do Brasil, em 13 de março, Carlos Lacerda, o grande agitador político da direita, o apelidou de “comício das lavadeiras”, porque, segundo ele, havia apenas tanques e trouxas (os tanques eram os do famoso e ineficiente “dispositivo militar” de Jango, já que o comício era bem perto do Ministério da Guerra, no Rio de Janeiro e os “trouxas” eram os janguistas).

07/03/2016

A recessão não é eterna

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Com a divulgação dos números assustadores referentes à queda do PIB brasileiro em 2015 e com a confirmação dos dados gerais que indicam tal retrocesso até agora, torna-se cada vez mais urgente e necessária a luta pela retomada do desenvolvimento, já que a recessão não é natural nem eterna.

02/03/2016

O novo modelo de escola

Ricardo Martins da Silva, Professor universitário e Representante Sindical

Nos Estados Unidos estão discutindo sobre a adoção do ensino de programação no ensino médio, sendo que o conhecimento em programação será uma exigência para os estudantes de Chicago que se graduarão no ensino médio a partir de 2018, entrando no currículo disciplinar junto com outras matérias como história, geografia ou matemática e poderá ser exigido nos demais estados futuramente.

29/02/2016

As lutas contra a reforma da Previdência

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

A luta do movimento sindical e de seus aliados contra a reforma da Previdência será longa e difícil. Exatamente por isso deve-se travá-la com grande conhecimento de causa das investidas anteriores contra o sistema público de aposentadorias e de benefícios, dos exageros, das falsificações e das mentiras sobre a “crise” da Previdência e das experiências de luta em outros países, com êxitos e derrotas.

24/02/2016

Cuidado com o Facebook

Ricardo Martins da Silva, Professor universitário e Representante Sindical

Vejo cada vez mais pessoas usando redes sociais, principalmente o Facebook, que nos diverte e nos aproxima, mas pode também gerar sérios problemas. Por isso precisamos encará-las com um pouco mais de seriedade.

22/02/2016

Contradições na reforma da Previdência

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

O artigo de André Singer na Folha de S. Paulo do último sábado explicou o inevitável conflito de classes entre trabalhadores e empresários nas discussões sobre a Previdência e enfatizou as dificuldades criadas por esta disputa nos rumos da aliança produtivista entre capital e trabalho, ou seja, nos rumos do Compromisso pelo Desenvolvimento.

17/02/2016

Princípios estratégicos atuais

João Guilherme Vargas Netto, Consultor Sindical

Para os efeitos de colocar a cabeça em ordem elenco os três princípios estratégicos que devem nortear agora toda a ação sindical.

Comunicado

Vivo: Sintetel cria canais sobre plano de saúde e Programa Beflex

Conforme anunciado, será criada uma comissão que fiscalizará e discutirá as implantações do novo plano de saúde e dos benefícios flexíveis (Beflex). 

Sua participação é importante para o Sindicato encaminhar, debater e negociar os temas. Assuntos relacionados ao: 

Plano Médico: 

Plano Beflex: